Pensamentos Soltos

Hoje não

Postado por 07/02/2017
poesiaHoje me peguei pensando, será mesmo que, se por destino, eu fosse obrigada a me contentar com uma despedida, eu me despediria levemente e com a sensação de que meu papel aqui na terra foi cumprido?

Hoje não.
Hoje, eu tenho pressa de vida, de alegria, de conquista.
Hoje, eu quero amar e ser amada, demasiadamente.
Hoje, eu quero viver os melhores momentos e fazer com que eles se tornem mágicos.
Hoje eu quero acreditar em mágica, quero acreditar em coisas inexplicáveis e quero, principalmente, vivê-las.

A vida é hoje. A vida é agora. A vida é o que fazemos com ela.

Hoje, eu quero arriscar todas as minhas fichas nas minhas crenças.
Quero transformar essas crenças sonhadas em crenças realizadas.
Felicidade não se adia. Planos não se adiam. A vida não pode ser adiada, mas pode ser abreviada.

E pra que nossa passagem por ela seja perfeita, é preciso que a gente dê menos valor ao medo, e mais valor aos sonhos.
É preciso sonhar, e mais preciso que sonhar, é preciso realizar.
É preciso deixar a razão um pouco de lado, é preciso fazer feliz quem a gente ama, é preciso fazer algo que a gente ame, é preciso arrancar sorrisos e sorrir na mesma proporção.

Para que a vida seja vivida, é preciso querer vivê-la e não sobrevive-la.

Sou contra a pessoas que não arriscam, que não vivem, que não fazem nada pra fazer o outro feliz além de si mesmas.

Sou contra ao egoísmo, sou contra economia de felicidade e sou muito contra a pessoas que não abrem mão de nada, nunca.

E, se sou assim, é porque em algum momento dessa minha vida, eu também já tive medo, eu também me senti paralisada, eu também perdi.

Por isso, acredito mais no amor do que no medo.
Acredito que o amor é a base, e que quando se confia no amor, se arrisca por ele.
Amor é sentir, tudo e todos.
Amor é tudo de bom que existe na gente, não importa pra onde esse amor esteja direcionado, se é amor, é vida.

E sentir a vida é como senti-la como algo tão físico, que se corre ao encontro dela como quem corre atrás do pote de ouro no final do arco-íris.

You Might Also Like

Sem Comentários

Deixe um Comentário